terça-feira, 30 de março de 2010

Coisas boas acontecem conosco sem esperarmos.

“O SENHOR firma os passos do homem bom e no seu caminho se compraz; ...” Salmos 37: 23


Coisas boas acontecem conosco sem esperarmos. Hoje de manhã fui ao centro da cidade levar para consertar meu relógio dourado, que acho lindo e gosto muito, porque ganhei da Da. Maria. Eu estraguei sua pulseira outro dia, quando o tirei atabalhoadamente. Passei em frente a uma primeira relojoaria e pensei em entrar, porém pensei melhor e decidi levar na outra que já sou cliente há mais tempo e onde sempre fui muito bem atendida. Pois bem, cheguei à Relojoaria Portuguesa, na Avenida Rui Barbosa, nº 150, Centro, Assis, SP. Como de costume fui logo bem atendida pela Ana Cristina e Juliana, que encaminharam na mesma hora o relógio para o técnico consertar. Disseram-me que ficaria pronto dali a pouco. Aí minhas pernas gelaram. Eu não havia levado dinheiro. Pensei que deixaria o relógio lá e só voltaria buscar outro dia. Diante do problema decidi ir ao banco buscar dinheiro. A hora que cheguei à loja com o dinheiro, Beto, o técnico, estava vindo com ele na mão para me entregar. Perguntei quanto era o trabalho e ele disse: - “Nada, não é nada não”. Eu não acreditei no que ouvi. Pode isso? Fui ao banco buscar dinheiro para pagar algo e não precisei usá-lo? Coisa que só o Eterno explica. É, o mundo ainda não se perdeu de todo. Ainda existem pessoas como o Beto, o grande técnico da Relojoaria Portuguesa. Beto, quero de público te agradecer por ato tão nobre. Seu nome entrará para a história como um homem diferenciado do sistema. Obrigada Ana Cristina e Juliana. Obrigada senhores proprietários da Relojoaria Portuguesa. Muitíssimo obrigada a todos. Deus vos abençoe muitíssimo, alargue as vossas fronteiras, tenha sobre vós a Sua Mão de Poder, de tal forma que nenhum mal vos sobrevenha, em nome de Jesus.



“Os ideais que iluminaram meu caminho e sempre me deram coragem para enfrentar a vida com alegria foram a verdade, a bondade e a beleza.”

Albert Einstein

terça-feira, 23 de março de 2010

Ao único que é digno de receber a honra e a glória, a força e o poder...


"ALFA E ÔMEGA
O PRINCÍPIO E O FIM
O AUTOR DA VIDA
O ÚNICO SOBERANO
O BOM PASTOR
O AUTOR E CONSUMADOR DA FÉ
A PORTA
O CABEÇA DA IGREJA
CONSELHEIRO
O CORDEIRO DE DEUS
A RESSURREIÇÃO
O DESEJADO DAS NAÇÕES
DEUS FORTE
DEUS EMANUEL
O FILHO AMADO
ÚNICO SOBERANO
FILHO DE DEUS
FILHO DO HOMEM
A GLÓRIA DO SENHOR
O GRANDE SUMO SACERDOTE
O JUIZ DE ISRAEL
IMAGEM DE DEUS
MEDIADOR
O CAMINHO
A VERDADE
A VIDA...
A ELE A GLÓRIA PARA SEMPRE!"
Por Cíntia Abrantes Verdeiro

sábado, 20 de março de 2010

Lembranças do meu tio Jair.

“A família é muito maior do que se imagina. Ela representa o passado, o presente e também o futuro.” Luiz Antônio Alves

Tia Very, Sérginho, Tia Tereza, Tio Jair, ... (esq. para direita)

Meu tio Jair há quase dois meses sofreu um mal inesperado e apenas três dias depois faleceu. Nosso coração gemeu. Meu tio Jair morrer? Não, não estava nos planos, nem na remota possibilidade. Este tio tão alegre, brincalhão, cheio de graça, isso não. Mas, isso sim, assim é a vida, incerta, improvável, ... Com o coração ainda cheio de tristeza escrevo estas linhas para declarar o meu amor a ele, que já partiu, à Tia Thereza, à Maristela, esposo e filhos, ao Jairzinho, esposa e filhas. O melhor da história é que os laços da família são estreitados nos momentos de dor, de tragédia. Nossa família Marinho, é uma família muito querida, muito presente. Dou graças a Deus sempre por isso. Tenho o prazer de fazer parte dela. Perfeita? Não, de maneira alguma, porém, família, isso não se discute. Lembro-me de quando íamos, eu, o Tio Alair e o José Braz, o atual prefeito, de onde morávamos, Altair, para a Fazenda Ponte Alta, de carona com ele, no seu belo Fusca Zero Kilometro, para trabalharmos. Era só alegria. Meu Tio Jair nunca me chamou a atenção, por nada. Só sabia me agradar. Agradeço a Deus pela vida querida do Tio Jair, por que na minha orfandade supriu muitas de minhas necessidades, juntamente com os outros tios. Registro aqui a minha gratidão, a minha dor, mas também o meu contentamento por ter sido sobrinha de alguém que fez história, me amou e me ajudou a crescer. Tia Thereza, obrigada por ter se casado com meu tio Jair e tê-lo feito feliz até o último dia de sua vida, por ter cumprido os votos que um dia fez no altar: “...até que a morte nos separe!”

"Rendei graças ao SENHOR, porque a sua misericórdia dura para sempre." 2 Crônicas 20: 21b

Uma bela manhã ensolarada o Eterno nos concedeu hoje.


"O SENHOR, que criou os céus, o Deus que formou a terra, que a fez e a estabeleceu; que não a criou para ser um caos, mas para ser habitada"
Isaías 45: 18


Uma bela manhã ensolarada o Eterno nos concedeu hoje. Contemplamos o céu azul e os prados verdejantes na viagem que eu, a Ligia e o Marcos fizemos para Marília, a fim de participarmos do Seminário Distrital de Administração Patrimonial e Financeira da Igreja. Passamos por Echaporã, uma cidadezinha do nosso caminho, cujo nome significa Bela Vista, disse-nos o Marcos. Confirmamos a veracidade do nome no vislumbre do trajeto e glorificamos ao nosso criador. Com inteligência Ele criou a terra e nos presenteou. Pena que, ao invés de zelarmos bem do nosso legado, apenas usufruímos, sem zelo e nem dó. O apóstolo Paulo diz que a natureza sofre dores de parto esperando a sua redenção (Rm 8: 19 a 22). Mas não quero falar de tristeza, quero falar da alegria da comunhão, de rever e estar com os irmãos. Reencontrei irmãos queridos que a muito não encontrava. Pude abraçá-los carinhosamente. Digo sempre que o melhor da vida é a harmonia entre os irmãos e o pior a desarmonia. Não tenho medo de errar ao dizer que o inimigo trabalha arduamente para colocar irmão contra irmão. Devemos nos levantar urgentemente numa luta espiritual contra o mal e profetizarmos o amor, a paz entre nós. Por favor, Espírito Santo nos ajude neste quesito, em nome de Jesus.

"Ó Deus, nós te damos graças por este universo, nosso lar; pela sua vastidão e riqueza, pela exuberância da vida que o enche e da qual somos parte." Rubem Alves

terça-feira, 16 de março de 2010

Hoje é meu aniversário.


"Vida me concedeste na tua benevolência, e o teu cuidado a mim me guardou." Jó 10. 12

Algum tempo atrás, no dia de hoje, nasci na Fazenda Ponte Alta, município de Altair, SP. De lá para cá foram tantas as histórias. Mas como disse João Wesley, "o melhor de tudo é que Deus está conosco." Ah, se não fora isso! Louvo a Deus pela vida da mamãe e do papai. Eles me conceberam, por eles vim ao mundo, sou quem sou. Nasci do amor!!! Papai amou a mamãe até a morte e a mamãe amou papai até o seu último dia de vida, há sete meses. O que mais me constrangia na minha infância era chegar em casa e ver meu pai abraçando apertado a mamãe e ela dizendo: "para Preto - era esse o apelido dele - olha a menina." Sei que quando eu nasci foi uma verdadeira festa no meio de nossa família, pais, irmão, primos, tios, avós, fizeram a festa. Tenho muito prazer em me lembrar de minha infância na Fazenda Ponte Alta, adolescência em Nova Granada, um pouco em Altair, juventude em Americana, estudo na Faculdade de Teologia em Rudge Ramos, SBCampo, depois nomeação pastoral para Penápolis, com toda uma tragédia (morte de minhas duas filhas, Natália e Taciana, divórcio...), Ourinhos, Ribeirão Preto e agora Assis. Tudo no Estado de São Paulo. De todas as lembranças fica a certeza que Deus foi bom para mim. Conheci Jesus desde a minha infância e me converti aos 17 anos em Americana, SP. Vivi minha vida inteira crendo e experimentando da graça do Deus Eterno. A Ele eu entrego diariamente a minha vida. Tudo que sou devo unicamente ao Senhor, a Ele pois toda honra e glória para sempre. À minha família, aos meus irmãos e amigos, minha eterna gratidão, pelo carinho e paciência. A todos o meu amor.

"A vida é a infância da nossa imortalidade. "
Goethe

sábado, 13 de março de 2010

Ouvi uma jovem Semeadora de Fogo.

Com muita alegria relato que fui ao Chá da Benção na Casa da Benção, Igreja dos meus queridos irmãos, pastores Carlos e Jaci. Ouvi palavras maravilhosas, pronunciadas por várias missionárias e pastoras. Todas foram unânimes em dizer do valor da mulher e do seu desafio em fazer conhecido o Evangelho através da voz feminina. A missionária Selma foi enfática ao dizer: "você pode levantar o caído". Ficaria horas aqui contando tudo que vi e ouvi. Quero, porém, dizer, que uma linda jovem pregadora me encantou, Pastora Rebeca Baldani De Filippo Odorizzi - 26 anos, da Igreja Batista Filadélfia, mãe de Gabriela De Filippo Odorizzi - 3 anos e esposa do Pastor Augusto Cesar Odorizzi - 28 anos. Ouvi-la me impactou, fez-me pensar que Deus tem levantado mulheres para anunciar o Evangelho do Senhor Jesus, com tanta sabedoria, ousadia e intrepidez que abalam o inferno. Não é a Palavra de Deus fogo? Então Deus tem de fato e de verdade levantado Semeadoras de Fogo. Que o fogo semeado, da Palavra, pela Pastora Rebeca continue queimando os corações de todas as mulheres que ouviram-na.

"Porventura a minha palavra não é como o fogo? Diz o SENHOR. " Jeremias 23: 29a

Por amor à minha mãe e à minha consciência.

"Deus ficou satisfeito e disse: 'que a terra faça brotar toda espécie de ervas e de plantas' ..." Gn 1: 11

Tenho em casa plantas que minha mãe e minha irmã plantaram. Minha mãe morreu, minha irmã foi morar em Bertioga, SP. - E agora, o que eu faço com estas plantas? Eu me perguntei. Acho que vou ter que colocar na minha agenda de trabalho cuidar de plantação também, eu conclui. Penso que por amor à minha mãe e à minha consciência devo dar uma atenção especial às samambaias, antúrios, orquídeas e outras herdadas. Confesso que não tenho muito tempo para fazer isso, mas não tenho outra alternativa. Cheguei a pensar em colocá-las na calçada de frente de casa para quem quisesse e pudesse levar embora, mas não tive coragem. Quando me lembrei da mamãe, do seu amor, cuidado para com elas, desisti, não tive coragem. Então, agora tenho mais uma ocupação, jardinar. Rubem Alves ama fazer isso, jarginagem é seu hobby predileto, o meu não. Mas agora espero adquirir o mesmo gosto que minha mãe tinha. O Eterno me ajudará, com certeza.


"Quando as palavras fogem, as flores falam."

Bruce W. Currie

domingo, 7 de março de 2010

Já comemoramos o Dia Internacional da Mulheres.

"Mulher Virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de RUBIS."
Prov. 31:10


Neste sábado, 06/03/2010, a Sociedade Metodista de Mulheres da minha igreja, Metodista em Assis fez uma bela festa em comemoração o Dia Internacional da Mulher, 08/03/2010. Foi simplesmente maravilhoso ver cem mulheres louvando a Deus e sendo abençoadas com uma palavra de conhecimento e sabedoria pela Pastora Ângela Pierângeli, que também é psicóloga. Fiquei pensando no valor de cada uma das mulheres que aqui estiveram e como foi bom para nós podermos cooperar com elas para que suas vidas tivessem um sabor de mel por um pouco. O texto de provérbios acima diz que o valor da mulher excede o de rubis. Esta pedra preciosa "Simboliza o amor, o sucesso e a beleza. Também é conhecido como a Rainha de Todas as Pedras, pois está diretamente ligada ao poder. O rubi é fabricado em joalherias desde o século XX, porque é extremamente difícil encontrá-lo em grandes tamanhos. Por isso, também é mais caro que o diamante." Bem disse a Pastora Ângela que a mulher é muito valiosa. Registro aqui minha consideração e apreço pelas mulheres que tem se doado aos seus esposos, filhos, trabalho, ministério, que incansavelmente tem sido lutadoras por um mundo melhor. Que o Senhor as abençoe muitíssimo, alargue as suas fronteiras, tenha sobre vocês a sua Mão de Poder, de tal forma que nenhum mal lhes sobrevenha, em nome de Jesus.

PARABÉNS MULHER!!!

sábado, 6 de março de 2010

Comecei a ler A Arte da Guerra, escrito por Niccolò Machiavelli

“O SENHOR sairá como valente, despertará o seu zelo como homem de guerra; clamará, lançará forte grito de guerra e mostrará sua força contra os seus inimigos.” Is 42: 13

De tanto dizer: “isto é maquiavélico” quis conhecer o pensamento de Maquiavel. Ontem comprei e comecei a ler A Arte da Guerra, escrito por Niccolò Machiavelli em 1519-1520. Confesso que a princípio o que me entusiasmou foi poder descobrir a razão do ditado já citado. Porém, quando comecei a ler descobri que ele era homem temente a Deus e de interesse nas virtudes humanas, que defendia a guerra para a manutenção da ordem, da paz, da justiça, pois citando Tito Lívio concordava que: “Justas, pois, são as guerras necessárias, e piedosas as armas quando só nelas há esperança.” Isto então me faz pensar que as coisas que digo que são maquiavélicas, não o são na maioria das vezes, ao contrário, foi contra elas que Maquiavel se colocou e destinou sua verve. Bem, isto é uma primeira impressão, estou no começo do livro, posso estar enganada. Se alguém me ler e conhecer melhor o pensamento maquiaveliano – é assim o termo usado no livro – e não concordar comigo, por favor, queira me comunicar através de comentário do texto, disponível ao leitor, abaixo. Não estou aqui em defesa da guerra, coisa que abomino, nem em defesa de Maquiavel, estou apenas comentando minha ocupação em leitura no momento. Quero conhecer, descobrir, julgar a partir do conhecimento. Porém, concordo plenamente com ele quando elucida que “o cuidado com a segurança é central e crítico para a vida civil, de sorte que, deixado de lado, a conseqüência inevitável será a ruína das cidades imprudentes... Um povo e uma cidade livres são uma cidade e um povo armados.” (pg. 11). Trazendo o pensamento maquiaveliano para a vida espiritual podemos dizer que os cristãos devem estar armados até os dentes contra o inimigo, Satanás, nosso adversário. O apóstolo Paulo deixa isto claro e evidente em Efésios 6: 14 a 17: “Portanto, estejam preparados. Usem a verdade como cinturão. Vistam-se com a couraça da justiça e calcem, como sapatos, a prontidão para anunciar a boa notícia de paz. E levem sempre a fé como escudo, para poderem se proteger de todos os dardos de fogo do Maligno. Recebam a salvação como capacete e a palavra de Deus como a espada que o Espírito Santo lhes dá.” Armados com a armadura de Deus, o mais potente arsenal bélico, sob o comando do nosso Senhor - o nosso general é Cristo -, venceremos, pois “somos mais que vencedores por meio daquele que nos amou”( Romanos 8: 37)

"Aqueles que tornam impossível uma revolução pacífica tornam inevitável uma revolução violenta." J. F. Kennedy

quarta-feira, 3 de março de 2010

Semeadores de Fogo estão na Terra onde nasceu o Capitão Dunga, Ijuí, RS.


“Mas é necessário que primeiro o evangelho seja pregado a todas as nações.” Marcos 13: 10






Ijuí, RS.

Semeadores de Fogo iniciou no Rio Grande do Sul o projeto Cem Cidades em Cem Dias. Pastor Dário nos testemunhou que todos os dias tem sido benção, pessoas sem conta são curadas, libertas e salvas. O poder de Deus tem impactado a terra de um dos estados mais bonitos do Brasil. O objetivo deste projeto é “alcançar milhares de pessoas com a Palavra de Fé no Sangue de Cristo, ver o seu poder manifesto gloriosamente. Todos os evangelistas são comprometidos com a palavra de poder para os dias atuais, para a salvação do que crê.” (http://www.semeadoresdefogo.org/blog/?p=311) Este trabalho promoverá o crescimento do Reino de Deus e a edificação do Corpo de Cristo. Pastor Dário (ítalo-brasileiro) e PR. Vita A. K (angolano) estavam em Frederico Westphalen e agora estão em Ijuí, cidade onde nasceu o Capitão Dunga. Nas palavras do Pr Dário é “uma linda cidade com quase 100.000 habitantes”. As conferências tem sido realizadas na Igreja Batista Nacional. Vamos clamar ao Eterno para que Ijuí e todas as cem cidades por onde passaram e passarão Semeadores de Fogo nunca mais sejam as mesmas, que o poder, a unção do Eterno marque o tempo deles em Antes e Depois do trabalho missionário da Semeadores de Fogo. IJUÍ NUNCA MAIS SERÁ A MESMA, EM NOME DE JESUS!!!

Capitão Dunga da Seleção Brasileira
Na terra onde nasceu um campeão, Dunga, o Evangelho do Campeão dos campeões, Jesus Cristo de Nazaré, está sendo anunciado, com ousadia e intrepidez.

Hino de Ijuí
Letra por Profº Olívio Hermes
Melodia por Francisco dos Santos Dias

Vibra, no sul dos pátrios Horizontes
O mais esplêndido ninho florido
Ninho de paz, de trabalho e de amor.
É Ijuí, escrínio de valor.
Tudo sorri ao ciciar da pena,
Ao ronronar dos tratores nos campos,
Segue o progresso no ritmo do malho
Na sinfonia espiral do trabalho

Colméia do trabalho
Trono da soja e altos trigais
Eu quero bem a tua gente e as tuas "águas"
Que o mundo inteiro te admire sempre mais
Ijuí – fascinantíssima chama,
Cuja luz há de ser o hino que traz
Todos ao bem,Todos a paz.
Ijuí, nós te queremos muito mais.


Prefeitura de Ijuí - RS
Prefeito Fioravante Ballin.

“O poder de Deus é mais poderoso que o mais poderoso mal. Nao há nada que Deus nao possa fazer. ... Ele reina soberano com os exércitos dos céus e com os moradores da terra para executar a sua vontade e não há quem possa deter a sua mão. Seu propósito se cumprirá e toda terra verá que há um Deus poderoso que reina sobre todos. Glórias pa
ra sempre ao Senhor!” Belkis Braz

IJUÍ É DO SENHOR JESUS!!!

segunda-feira, 1 de março de 2010

Estive em Bertioga, SP, fui à uma praia linda, a Riviera.

"Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, ..." Romanos 1:20

Praia Riviera em Bertioga, SP

Sábado passado estive em Bertioga, SP. Fui à uma praia linda, a Riviera. Quando vejo coisas tão lindas, me pergunto: “Por quê o homem não vê Deus na beleza de sua criação?” Apenas corações insensíveis não são capazes de concluir que tanta beleza, criatividade, só podem vir de um Criador. Minha irmã Vanilda, que é bióloga diz que quanto mais ela estuda mais ela conclui que Deus existe e é o nosso Criador. Ela e seu filho Natan, meu lindo sobrinho de 10 anos, estavam comigo também. Tive ali momentos de contemplação, quase de êxtase, de tão feliz que eu fiquei. Além de ir à praia nadei com o Natan na piscina do condomínio onde eles moram, no Resort das Tartarugas. Concluo mais uma vez que nada é capaz de conter a vida em nós. Ao Eterno eu glorifico e exalto, porque “Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas. A Ele pois a glória, eternamente! Amém!” Rm 11: 36.

Eu e o Natan na piscina do Condomínio

"Às vezes a dor nos faz chorar, nos faz sofrer, nos faz querer parar de viver, até que algo toque nosso coração, algo simples como a beleza de um por do sol, a magnitude de uma noite estrelada, a simplicidade de uma brisa batendo em nosso rosto, é a força da natureza nos chamando para a vida.”

François de Bitencourt